Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




Mulher ao volante

por Closet, em 13.03.09

O meu exame de condução, o 1º ... aquele que, enfim, não me correu lá muito bem...

Foi há 10 anos e admito que não estava nervosa, para estupefacção da criatura masculina que partilhava o exame comigo... Um rapazinho baixo, com óculos enterrados no nariz e roupas compradas pela sua bisavó... ainda acho que foi ele o responsável por eu ter chumbado, com aquela imagem arrepiante desinspirou-me completamente...adiante.

Para minha sorte, ou neste caso azar, o exame foi perto da minha casa, lá pela minha zona, como eu explicava ao examinador mesmo antes de entrar no carro. Perguntou quem queria ser primeiro, perante o olhar aterrado da criatura masculina eu nem hesitei “Eu” pois está claro e avancei confiante para o volante.

Primeiro bloqueio...tentei arrancar sem tirar o travão de mão... raios parta o carro que não saía do lugar...silly me!

Naquela altura o instrutor ía ao nosso lado e o examinador e a outra criatura íam atrás. Confesso que nunca gostei do meu instrutor, tinha a mania que tinha graça... na maioria das aulas eu servia de motorista para sua excelência ir às finanças "à e tal precisava de um impresso", à junta de freguesia "à e tal precisa de entregar algo", ao centro de saúde "à e tal precisava de uma receita"...eu bufava, mas lá ía aguentando a coisa...mesmo a aula que fiz a um sábado às 7 da manhã e que me obrigou a ir a Sintra "à e tal precisava de ir lá" e em plena IC19 a caixa de velocidades pifou e "agora não pode parar ouviu? se não ficamos aqui, ouviu?"...oh God...foi a vigem interminável a 40 km/h...

No dia do exame o homem pôs um after shave terrível... e vai daí também foi uma das coisas que me desconcentrou...

Depois de receber um murro no joelho do dito instrutor malcheiroso, percebi que tinha de tirar o travão de mão, e não é que o carro andou?? Começámos o percurso e entrámos na rua onde vivia a minha irmã... comecei logo entusiasmada a falar e a gesticular “ali mora a minha irmã, está ver naquele prédio, é aquela janela ali...” bom, com o entusiasmo cheguei a um cruzamento e, não havendo instruções, segui em frente obviamente...até que ouvi uma buzina estridente e o carro parou...what??

Então a menina não sabe que entrou numa rua de sentido proibido??" Perguntou enervado o examinador. O malcheiroso abanava a cabeça com aquele ar de porquinho atarracado... eu fulminava-o com os olhos, como é que me deixou ir para ali? Podia ter-me dado outro murro (quem dá um dá dois), virado o volante ou simplesmente não ter travado o carro, eu atravessava a rua rapidamente e depois negava ter passado por tal rua, o senhor examinador estava era com alucinações...

Respondi então com meu ar mais inocente e angelical “Eu só ando por esta rua a pé e já andei nos dois sentidos”. O velho do examinador rosnava já sem paciência e mandou-me seguir para um local onde ía trocar com a criatura do banco traseiro que já transpirava com os óculos embaciados.

Bem, eu já estava chumbada, por isso decidi contemplar os meus passageiros com uma condução de luxo. 

- “aiii a menina não sabe que deve parar antes de virar numa perpendicular??”

- “não”

- “aiiii a menina já viu onde está?"

- “no eixo norte-sul”

- “nãoooo, está a andar na berma da estrada”

Who cares?

Pronto. Acabei o exame com um distinto Reprovado ao cubo e ainda com o conselho (leia-se ordem) de tirar novamente lições de código. Wonder why? Homens histéricos

 

 

publicado às 00:22


11 comentários

Imagem de perfil

De umdiadepoisdooutro a 13.03.2009 às 11:15

LOLOLOL!!!!
Fizeste-me recordar a minha primeira aula de condução.
Entro eu no carro e até levei uma amiga para me dar apoio moral, e o instrutor que me tinha sido atribuído não pôde dar a aula pelo que foi outro que não sei poquê achou que eu já tinha tido aulas antes, e não acreditou em mim quando lhe disse que era a primeira e que nunca tinha sequer experimentado conduzir com o meu pai.
"Bem mas não custa nada, é que tenho mesmo de ír ao Sobral ao Centro de exames levar uns papéis... fazemos assim quando eu disser carrega na embraiagem e u coloco a mudança" - surreal no mínimo.
A viagem que habitualmente demora uns 15min, foi uma aventura. Posso dizer que prestei um grande serviço aos cantoneiros municipais já que pelo caminho fui arrancando as ervas daninhas da berma da estrada. Inclusive tivemos de parar pelo caminho para retirar o espólio que eu com tanto empenho tinha conseguido arranjar (leia-se bocados de arbustos ).
Na volta já foi ele que trouxe o carro - serviu-lhe de lição para nunca mais duvidar quando alguém lhe disser que NUNCA conduziu um carro na vida.
HIHIHI!!!
Imagem de perfil

De Closet a 13.03.2009 às 22:58

ehehe...já me fartei de rir a imaginar...essa devia ter ído para os apanhados!! Arbustos?? credo!! O homem também deve ter apanhado cá um susto =D
Beijocas!
Imagem de perfil

De umdiadepoisdooutro a 14.03.2009 às 08:29

De certeza!!!
Deve ser daquelas histórias (assim como eu me lembro) que ele deve contar á família, do gênero, um dia tive uma aluna.....

LOLOLOL!!!
Sem imagem de perfil

De Miss M a 13.03.2009 às 11:37

LOL Quer para o teu post, quer para o comentário já deixado!
Pois, eu confesso, apesar de já passar dos 30, ainda não tenho a carta de condução e nem sequer tive nenhuma aula...
Mas já me estou a imaginar a fazer as mesmas figuras hilariantes!!!
Imagem de perfil

De Closet a 13.03.2009 às 23:00

Realmente faz-se com cada figura!! Olha que eu no início, já depois de ter passado no 2º exame (e não, não subornei ninguém!!), tinha a pancada que o carro não passava nas portagens...então chegava a parar com medo de bater nos lados...silly me!
Imagem de perfil

De mafalda a 13.03.2009 às 14:32

ahahahah
oh rapariga, isto é oficial: tu és o máximo dos máximos!!!
"eu só ando nesta rua a pé e já andei nos dois sentidos"... está demais!!! é coisa que ninguém se lembra de dizer em pleno exame de condução (i guess...)! :)

o meu instrutor tinha o vício de ir aler o jornal e a dar instruções de condução ao mesmo tempo!

beijinhos e bom fim de semana.
Imagem de perfil

De Closet a 13.03.2009 às 23:04

Pois as coisas mais disparatadas são sempre as que me vêem em 1º lgar à cabecinha... pior, antes da cabecinha saem disparadas pela boca sem pensar!!!por isso passo com cada uma! Mas pelo menos dá para rir depois!
beijinhos e bom fim de semana!

PS: se o meu instrutor lesse o jornal eu espetava com o carro no 1º poste, eheh...mas pelo menos tu andavas culta, não?? nãaaa, devia ser o jornal desportivo!
Imagem de perfil

De mafalda a 15.03.2009 às 21:04

pois, era mesmo o jornal desportivo ;)
beijocas.
Sem imagem de perfil

De miúda a 13.03.2009 às 14:42

As tuas historias de vida são the best ;p
Não tenho uma historia assim tão interessante, mas lembro-me bem do meu exame de condução, faz dois anos daqui a uns dias! Ainda tenho uma certa raiva por aquela examinadora que entrou a fumar no carro e que como estava a chover não pude abrir os vidros deixando um certo nevoeiro de fumo no interior do carro! Foi um excelente começo! Para não falar que ela era antipatica e falava com uma voz de cana rachada! Confesso que quando parei o carro julgava que tinha reprovado! Para que servem as rotundas com três faixas e que para mais já não têm os riscos demarcados no chão?! Alem disso ela dizia para virar mesmo em cima da cortada, que culpa tinha eu de fazer os piscas mesmo em cima?! Não interessa! Passei á primeira! sou um perigo na estrada mas que interessa isso ;p
beijinhos***
Imagem de perfil

De Closet a 13.03.2009 às 22:53

Também deve ter sido giro conduzir com pleno nevoeiro dentro do carro! :)
Eu por fazer piscas em cima da viragem já deitei um sexagenário Motar ao chão...e mesmo à porta do colégio dos meus filhos...shame on me... o meu filho perguntou logo após o embate "mamã, o senhor morreu?" credo??? e eu nem tinha percebido que tinha deitado abaixo um senhor... bom, mas isto dava outra história ;-)
beijinhos***
Sem imagem de perfil

De miúda a 14.03.2009 às 23:52

looooool
coitado do senhor, acho que nem ele se deve ter apercebido do que lhe aconteceu ;p
beijocas***

Comentar post



Mais sobre mim

foto do autor


Calendário

Março 2009

D S T Q Q S S
1234567
891011121314
15161718192021
22232425262728
293031