Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]




Crónica de uma quase gripe A

por Closet, em 17.09.09

Tenho um grupo de amigas, ex-colegas de trabalho, que adoro. Cada uma com uma com um estilo único, incomparável, insubstituível. Crescemos juntas no mundo adulto do trabalho e de mães e essa experiência, por mais tempo que passe, por mais empregos que se troquem (e apenas resta uma a trabalhar comigo agora), ninguém nos tira, e tenho-as de pedra e cal no meu coração.
No Domingo passado combinámos um lanchinho (cof cof...era um verdadeiro manjar) em casa de uma delas e nada me faria imaginar que, dois dias depois, estaria a receber um e-mail dela que me fez ir às lágrimas... E se ela tem jeito para narrar os seus muitos emocionantes acontecimentos inesperados (normalmente associados a doenças várias que tem, teve ou se alguém tem ela também terá ehehe), acreditem que ela a conta-los verbalmente é mil vezes melhor...CC, que saudades das tuas histórias diárias!!
Ela autorizou-me a publicar aqui a crónica que nos enviou, já que não é todos os dias que se é "referenciada potencial infectada com gripe A" ...ehehe!
enjoy!

"Eu e a Gripe A, by  CC
                                                                           
Ontem acordei a vomitar e de diarreia e com umas dores enormes no corpo. Como a noite não tinha sido assim tão animada, pensei que o mais lógico seria ter comido alguma coisa que me tinha caído mal. Assim decidi pedir ao L que levasse os putos ao colégio e dormi mais um pouco. Acordei por volta das 9:30 e já me estava a sentir melhor, logo dirigi-me ao meu adorado local do trabalho para as duas ou três reuniões que tinha marcadas. Fui comendo uma torradinhas e chá, mas a meio da tarde já me sentia cheia de febre. Ao final da tarde fui para a reunião de pais do G e todos me perguntavam o que eu tinha. Quando referia os sintomas sentia um a súbito afastamento e todas as mães a atirar-me com a frase "liga para a saude 24". Pelas 19:30 já tinha quase 39 de febre. Resolvi ligar para a dita linha por volta das 20:30, altura em que também o G já se arrastava pelos sofás e tinha 38 de febre. Aí pensei, queres ver que a tão falada gripe veio visitar o meu humilde lar?
Entrei então nas estatisticas dos habitantes do rectângulo à beira mar plantado, e falei com os enfermeiros mais bem informados sobre o virus H1N1. Depois de um extenso questionário e de me ter sido informado que estava nos grupos de risco (medo), por sofrer de asma, foi-me recomendado que me dirigisse a uma centro de detecção da gripe (medo). Dificuldade seguinte... onde? depois de perceber que geografia não era o forte do senhor enfermeiro, dado que me queria enviar para Vialonga ou Alverca, chegámos à conclusão que o mais perto da minha mansão seria a Venda Nova, mas que encerrava às 20h. Foi encaminhada a minha ficha para o centro e hoje de manhã devia-me dirigir lá para despistagem. Entretanto a febre não passava ao G e falei para a pediatra, que achou melhor despistar uma eventual amigdalite.
Fomos então ao CUF Decobertas onde fui encerrada numa sala, até vir um médico ver-me e concluir que deveria ter uma gastroentrite viral, porque aliados aos sintomas, estava com muitos gases. No entanto reiterou-me que deveria ir na mesma à despistagem da gripe.Vim com a receita do nosso querido Benuron. Lá fui para casa dormir que não me aguentava nas canetas. Hoje acordei sem febre e com uma dor de cabeça desgraçada, mas já mais fresquinha. Pensei logo baldar-me à ida à despistagem, e liguei para a linha de atendimento a comunicar que me encontrava maravilhosamente bem... Mas eis que me informam que era crucial ir lá e afastar qualquer suspeita, até porque já estava referenciada.
Foi então que caí no filme do ET, todos estavam de fatos espaciais e de máscaras e mandaram-me desinfectar as mãos a cada entrada e saída de qualquer sitio. Senti-me em Hollywood num filme de ficção cientifica. A máscara é péssima, não me deixava respirar  e tinha de estar sempre a pedir para repetir, dado que não é fácil perceber o que nos dizem.
Fui muito bem atendida (éramos só 4 utentes, portanto fomos animar a manhã que estava uma seca), apanhei um médico que me deu imensos conselhos sobre a asma e me falou nos procedimentos e nos planos de contingência.
Tenho uma amigdalite. Resumindo e baralhando não tenho gripe, mas tenho de ficar alerta, porque apanhei uma virose qualquer. Faço parte das estatisticas dos totós que foram chatear as autoridades sem
razão."

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 21:56

A idade dos porquês - take 1

por Closet, em 17.09.09

Eu sabia... eu sabia...

Ía eu hoje com o meu filho no carro depois da reunião de pais e..

- momy, sabes o que são espermatozoides?

- quê??? já estás a dar isso?

- Não, mas o Gonçalo disse-me que saem da pilinha quando fazemos chichi

... oh God... eu saba... e isto ainda é o começo

 

By the way, disse-lhe que não era nada disso, que EU sabia o que era mas que a PROFESSORA ía ensinar-lhe toda a essa matéria... what else?

 

 ... espermatozoides

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 21:03


Mais sobre mim

foto do autor


Calendário

Setembro 2009

D S T Q Q S S
12345
6789101112
13141516171819
20212223242526
27282930