Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




Sonhou, acordou

por Closet, em 23.11.10

 

Sonhou com tanta força que um dia ele estava lá quando chegasse.

Não sabia o lugar, nem o dia ou a hora exacta. Mas sonhou que nesse dia ele ía estar à sua espera com um grande abraço. Que a levantava nos braços e sorria. E tudo à volta parasse. Ninguém mais existia.

Ela sonhou que a sua voz de veludo inundava-lhe os sentidos, sussurrando palavras loucas. Os olhos perseguiam os dela, embalados pelos corpos que se confudiam, as mãos, tacteavam-se nervosas, procuravam perceber em que artéria se perderam da vida... Não sabiam.

Sonhou, ela sonhou com tanta força que um dia se encontrariam. E que os lábios percorreriam o pescoço, desaguassem uns nos outros rendidos no mesmo sonho. Caminhariam enlaçados, sem rumo ou direcção. Apertados. Um canto de sonho era o bastante para a sua imaginação.

Ela sonhou que todo o impossivel voava com o vento, sem levantar a poeira que por aí deixava. Sonhou, sonhava. Acordou.

 

Tags:

publicado às 00:17


2 comentários

Imagem de perfil

De Ventania a 23.11.2010 às 09:03

À força de tanto sonhar, ela não mais quis acordar.
Imagem de perfil

De Closet a 23.11.2010 às 10:24

ou então já não sabe distinguir a realidade do somho :)

Comentar post



Mais sobre mim

foto do autor


Calendário

Novembro 2010

D S T Q Q S S
123456
78910111213
14151617181920
21222324252627
282930