Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]




Corredor estreito

por Closet, em 17.08.10

 

De repente o mundo tornou-se um corredor estreito e apertado,

para os dois passarem sem se raspar.

Avançam desamparados. De olhares baços, enevoados.

E dos lábios cerrados soltam um sumido e coloquial "olá, então?"

... no silêncio de intensos segundos

Um frio percorre os corpos, um gelo em volta endurece-os

para prosseguir a habitual encenação.

Um rosto liso, postiço, pronuncia um sorriso morto,

espancado e abandonado de desilusão.

Vencidos pelo cansaço. Do fantasma que os persegue sem perdão.

 

Estando próximos são distantes, e reagem como antes

não se conheciam, não falavam, arrogantes.

Não desejavam, nunca sentiram 

A droga viciante e doentia, o desejo incontrolado

inesperado, que os queimou insatisfeitos.

Fecham os olhos. Voltam as costas.

Na esperança de não se cruzar, 

pelos caminhos apertados,

onde separados beijam-se com o olhar.

 

 

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 21:51


Comentar:

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.



Mais sobre mim

foto do autor


Calendário

Agosto 2010

D S T Q Q S S
1234567
891011121314
15161718192021
22232425262728
293031